Entre em contato!

Caso tenha qualquer dúvida, crítica e/ou sugestão, entre em contato comigo:

Dr Leonardo Ribeiro Soares

Instituto de Mastologia e Oncologia (IMO)

Alameda das Rosas, nº 533, Setor Oeste

CEP: 74.110-060, Goiânia - GO

(Referência: em frente ao Zoológico de Goiânia)

Tel.: (62) 3224-2121

  • Facebook ícone social
  • Instagram ícone social
Buscar
  • Admin

Dor nas mamas: devo me preocupar?


Mastalgia é o nome dado às dores nas mamas, as quais são comuns entre as mulheres e podem causar muito desconcorto e prejuízo na qualidade de vida! Dessa forma, não é raro a dor mamária interferir nas atividades do dia a dia como, trabalho, atividade sexual e até no sono.

Nesse contexto, muitas mulheres associam a mastalgia com o câncer de mama. Porém, a maioria dos estudos científicos NÃO observou qualquer relação entre dor e câncer de mama, caso os exames estejam normais.

Dessa forma, diante de desconforto persistente nas mamas, a Sociedade Brasileira de Mastologia recomenda uma consulta com o mastologista e avaliação individualizada.

Didaticamente, a Mastalgia pode ser classificada em três tipos:

  • Cíclica: é o tipo mais comum de mastalgia! Ela pode ser resultado das variações hormonais e geralmente ocorre em ambas as mamas. A dor costuma ser mais intensa antes da menstruação e, muitas vezes, alivia quando o período termina.

  • Acíclica: é mais frequênte em mulheres com idade entre 30 e 50 anos, e pode ser constante ou intermitente. Também pode estar relacionada à gravidez e aos quadros de inflamação das mamas, algum trauma local, cisto mamário, entre outras causas.

  • Extra-mamária: possuem na verdade uma origem externa a mama, como nervos, músculos, costelas, etc. Elas são classificadas conforme a causa, a intensidade da dor e os sintomas associados.

"As dores em minha mama estão causando muito desconforto... existe algum tratamento?"

  • SIM! Quando a consulta com o mastologista é realizada, muitas vezes o esclarecimento sobre a dor já é o suficiente para o alívio dos sintomas.

  • Em outros casos, é necessário realizar exames complementares, como a mamografia e a ultrassonografia das mamas.

  • Após a avaliação clínica da Mastalgia, podem ser prescritas diversas medicações para o alívio da dor, além de outras terapias em casos específicos.

  • Porém, algumas medidas são úteis para quase todos os casos:

  1. Atividade física regular;

  2. Alimentação saudável, com redução do consumo de café, chás, chocolate, álcool, entre outros;

  3. Sutiãs adequados, com sustentação moderada das mamas e ausência de estruturas rígidas.

Portanto, caso você tenha algum desconforto mamário persistente, estarei à disposição para avaliar as particularidades do seu caso e auxiliar a resolução dos sintomas!

Fonte: Sociedade Brasileira de Mastologia.

#Dormamas #Mastalgia

4 visualizações